quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010


"Solidão não cura com aspirina..." frase de Zeca Baleiro...compositor, cantor e poeta brasileiro

9 comentários:

  1. Sem dúvida, uma balinha ajuda muito mais!

    ResponderExcluir
  2. A solidão é um tempêro,
    um alongamento que acalma.
    De uma espécie,
    que alimenta a alma.
    Uma fêmea,
    quase um trauma.
    A solidão é ser,
    e é ambiente.
    Um estado permanente
    (quase ambivalente)
    para se dividir com amigo.
    Antes que o amor,
    passe de quase,
    a esquecido.

    ResponderExcluir
  3. E é uma pena...às vezes, era bom que curasse, ou então não...já não sei é nada...

    ResponderExcluir
  4. As pílulas de placebo são remédios muito eficazes contra as dores imaginárias. São simplesmente milagrosas.

    ResponderExcluir
  5. Concordo com Tarde, solidão nāo é mal nāo. Ou nāo. Ou melhor, ou é. Mas nāo cura com Melhoral que é melhor e nāo faz mal. O que é mentira. Todo remedio tem seu lado oposto.
    Há mais que diferenciar solidão de sozinhês. Essa sim um mal pior.
    Há que aprender a ser só sem só ser.

    ResponderExcluir
  6. Mal de amor aspirina também não cura, Leca! :-)

    ResponderExcluir
  7. Tarde, mas que poético comentário! Leve daqui e coloque também em um post. Incrível como esse espaço mais informal ainda pode ser criativo.

    ResponderExcluir
  8. Aspirina é bom anticoagulante. Dizem...

    ResponderExcluir