sábado, 7 de abril de 2012

ACRÍLICO




Ninguém tocará teu rosto
por detrás da máscara de
acrílico [onde há fumaça,
há fogo].


E o coração, muitas vezes,
parece ser órgão cansado e
estúpido. Clange e se arrasta
e plange, como carro de boi.


E ainda que não te possa tocar
a face, posso ouvir [e devo dizer
que ouço] esse roçar de carroça
em chão vermelho e pedregoso.


Olhe pra cima e respire
fundo: Aquilo é o Sol.

Marcelo Novaes

7 comentários:

  1. Marcelo!

    Um poema lindo assim....[olhe para cima e respire fundo. Aquilo é sol]

    Trouxe para um lugar onde não apareço. Mas o SOL, aparecerá.

    Beijos

    Mirze

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mirze,



      Obrigado por colocar aqui meu poema e o clip do Terence Trent D'Arby. Terence caiu fora da grande indústria fonográfica, como Lauryn Hill, desde 98. Por motivos análogos: princípios. Agora, ele faz seus shows com um trio, e vende seus muitos discos [cada um deles com mais de vinte faixas] via net e outros meios. Mas longe, bem longe, da indústria do espetáculo. No You Tube resgatei esta canção para o filme "O Fã", com Robert de Niro, de 96.

      Letting Go. Deixe ir.



      Um beijo, Boa Páscoa e obrigado, Mirze!

      Excluir
  2. Caro(a) amigo(a),

    Dê-nos, por gentileza, o prazer de sua presença na coluna Haicais de Domingo(http://poetasdemarte.blogspot.com.br/2012/04/salada-de-haicais.html). A entrevista desse domingo é com Ceyson Gomes.

    Muita Paz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cristiano,





      Prazer em recebê-lo nesta postagem da amiga Mirze. Grato pelo convite, extensivo a ela e a nós todos.


      Muita Paz, e Boa Páscoa!

      Excluir
    2. Marcelo,

      Adorei o vídeo e fiz download no Real Player de mais dois. Reconheci Robert de Niro, que admiro muito.

      Cristiano!

      Copiarei o endereço. Adoro Haicais. Se puder passarei lá.

      Abraços

      Mirze

      Excluir
  3. Isso é o Sol! Belíssimo poema, Mirze... Marcelo arrebatou-me com ele.

    Beijos,

    ResponderExcluir