segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Flor da noite


Dorme, tudo dorme
Sobre o mundo cai o véu
Veste o infinito
Véu da noite, cai do céu
Se outro alguém te lembrar de nós dois
Não diz prá esse alguém
O que passou e ficou prá depois
Seja o que for além
De mim
Ninguém
Assim
Sonha, tudo sonha
O universo vai ao léu
Verso do meu sonho
Flor da noite, carrossel

Flor da Noite, de Celso Fonseca, pela diva Nana Caymmi.

4 comentários:

  1. Simplesmente maravilhosa!!!
    Lindo presente...
    Beijos, Lelena querida

    ResponderExcluir
  2. Adoro Nana Caymmi... a voz dela é excepcional...

    ResponderExcluir
  3. Tocante, muito tocante. É do tipo que lava a alma.

    ResponderExcluir